Me dê os 10% e pode ficar com o resto!

Publicação original: Portal Administradores

E isto é tão enraizado na nossa mente que se for para eu ficar com resto, até fico para agradar o ‘freguês’, mas na minha cabeça, ‘ele’ é que ficou com a melhor parte. Mesmo que a maior parte seja os 99,99% de tudo.

Usei aqui a palavra ‘resto’, mas temos que ter cuidado com estas ‘pegadinhas’ da mente. Pois há várias outras palavras e termos, que geram exatamente a mesma coisa em nós.

E pode nos impedir de evoluir.  Se for no meio empresarial então, isto pode impedir até que uma empresa passe de um patamar para o outro, que você tenha uma ascensão de carreira ou deixe de fechar um bom negócio; simplesmente porque um ‘resto’, mesmo que de 99,99%, pode ser para nossa mente só ‘resto’. E resto, associa-se à algo que sobra, não a melhor parte e posso não querer ‘isto’. E isto não é verdade, há ‘restos’ que são muito bons e são as melhores partes.

Há outras verdades que podem parecer só filosofia, mas está atingindo seu bolso de forma tão direta, que não deixa você parar para pensar.  Então aproveite o ‘resto’ desta hora ou deste dia, para pensar como você ouve e processa palavras como “resto”, “só um pouquinho”, “bastante”, “final da noite”, “na parte da tarde”, “estarei providenciando”.

Ah, uma dica: aqui na Vilesoft, aprendemos que quando dizem para gente: “estamos providenciando”, “estaremos te enviando” e outros “andos”, perguntamos que dia este ‘ando’ vai ocorrer. E sugiro que faca isto também. Se não receber uma data como resposta, você faz parte do “resto” dos que estão sendo enrolados e estão esperando até hoje as providências, a entrega do produto, ser atendido e ficará o ‘resto’ da vida esperando.

Veja o tamanho do ‘resto’ na história que encontramos no segundo Livro dos Reis Capítulo 4, verso 7, da  Bíblia:  “Então veio ela, e o fez saber ao homem de Deus; e disse ele: Vai, vende o azeite, e paga a tua dívida; e tu e teus filhos vivei do resto“.

Roger Maia: É Mestre em Educação pela UEMG, Especialista em Sistemas de Informação pela UFMG, MBA em Gestão Empresarial pela FACED e graduado em Ciências pela FUOM. Professor universitário, pós graduação e é CEO da Rede de Franquias Vilesoft, que produz softwares e soluções para gestão empresarial há 30 anos.

Anúncios

3 respostas para “Me dê os 10% e pode ficar com o resto!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: